Concurso Polícia Civil Tocantins: edital segue válido até 2021

Publicado em 2014, o edital do último concurso da Polícia Civil de Tocantins, concurso PC TO, segue vigente até o ano de 2021. O edital de prorrogação foi publicado em 2019.

Foram ofertadas 522 vagas, dentre elas, oportunidades imediatas e formação de cadastro de reserva para os cargos de Agente, Escrivão, Papiloscopista, Delegado, Perito e Médico Legista.

A previsão é que o estado de Tocantins só publique um novo edital em 2022. Até lá, as nomeações serão feitas seguindo a lista de aprovados do último concurso PC TO.

Acompanhe este artigo e confira todos os detalhes sobre o último concurso da Polícia Civil de Tocantins e saiba como ingressar na carreira.

Resumo da notícia!

  • Edital do último concurso foi prorrogado e segue vigente até 2021;
  • Foram ofertadas 522 vagas para Agente, Escrivão, Papiloscopista e Delegado;
  • Prorrogação do concurso foi feita em 2019, válidas por dois anos;
  • É a segunda vez que o concurso é prorrogado;
  • Salários da carreira no estado variam entre R$ 4 mil e R$ 10 mil;
  • Todos os cargos exigem formação em Nível Superior;
  • CURSO PC TO
  • Concursos Policiais

O edital do concurso Polícia Civil Tocantins

O último concurso realizado para a Polícia Civil de Tocantins foi publicado em 2014, quando foram ofertadas 522 vagas para cargos de nível superior.

Ainda que o edital tenha sido divulgado há seis anos, o concurso segue vigente. A homologação do certame foi divulgada em 2015.

Com validade de dois anos prorrogáveis por igual período, o certame foi prorrogado a primeira vez em 2017, e estendido mais uma vez em 2019, ficando válido até 2021.

Vagas ofertadas no concurso PC TO

O concurso PC TO realizado em 2014 ofertou vagas para os seguintes cargos:

  • Delegado
  • Médico Legista
  • Perito Criminal
  • Agente de Polícia
  • Escrivão de polícia
  • Papiloscopista
  • Agente de Necrotomia

Quanto ganha um policial civil em Tocantins?

A seguir você confere os salários dos cargos da Polícia Civil do Tocantins:

  • Delegado de Polícia – R$ 10.735,28;
  • Agente de Polícia Civil – R$ 4.150,10;
  • Escrivão de Polícia Civil – R$ 4.150,10;
  • Papiloscopista – R$ 4.150,10;
  • Agente de necrotomia – R$ 4.150,10;
  • Médico legista – R$ 9.274,48; e
  • Perito criminal – R$ 9.274,48.

Cargos e requisitos na Polícia Civil de Tocantins

Para se tornar um Policial Civil no estado é necessário, além de passar em todas as etapas do concurso Polícia Civil Tocantins, seguir os seguintes critérios:

Agente de Polícia Civil

Ao cargo de Agente de Polícia, é necessário que o candidato tenha diploma de conclusão de curso de ensino superior em nível de graduação em qualquer área de formação.

Além disso, é necessário ter Carteira Nacional de Habilitação. A jornada de trabalho é de 40 horas semanais em regime de tempo integral.

Escrivão de Polícia Civil

Quem sonha com o cargo de Escrivão da PC TO é preciso ter formação em curso de ensino superior, em nível de graduação, em qualquer área de formação.

Além disso, é preciso ter experiência básica em informática e digitação, que será cobrada no Curso de Formação, sujeita à reprovação, e Carteira Nacional de Habilitação.

Papiloscopista

Quanto ao cargo de Papiloscopista, o candidato deve ser formado em Nível Superior, em qualquer área de formação, desde que seja em nível de graduação.

Como as demais carreiras, é preciso ainda ter habilitação para dirigir veículos automotores. A jornada de trabalho é de 40 horas semanais em regime de tempo integral.

Agente de Necrotomia

Aos candidatos que estão dispostos a seguir a carreira como Agente de Necrotomia devem possuir formação em curso de bacharelado, em Nível Superior, em qualquer área, e CNH.

Cabe ao Agente de Necrotomia prestar auxílio em necropsia; exumação para exame cadavérico e outras perícias afins; identificação, remoção e inumação de cadáver.

Além disso, registrar em livros próprios as ocorrências do serviço; zelar pela limpeza e conservação do local de trabalho; e coletar provas.

Médico Legista

O candidato ao cargo de Médico Legista precisa possuir formação em Nível Superior no curso de Medicina. Além disso, é necessário possuir registro no conselho da categoria.

Perito Criminal

Para se tornar um Perito Criminal da Polícia Civil de Tocantins é preciso que o candidato tenha formação em Nível Superior em qualquer área de formação.

Delegado de Polícia

O cargo de delegado de polícia de Tocantins exige ao candidato bacharelado em Direito em instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação.

Além disso, é necessário aprovação no curso de formação de delegado de polícia civil e Carteira Nacional de Habilitação.

Quais as etapas do concurso PC TO?

A seleção dos candidatos inscritos no concurso PC TO é feita a partir da aplicação das seguintes etapas:

  • 1ª Fase – Exame de Habilidades e Conhecimentos
  • 2ª Fase – Exames Médicos
  • 3ª Fase – Teste de Aptidão Física
  • 4ª Fase – Exame Psicológico
  • 5ª Fase – Avaliação de Títulos (para delegado, perito e médico)

Como são as provas do concurso PC TO?

As Provas Objetivas do dos cargos de Agente, Escrivão, Papiloscopista e Agente de Necrotomia do concurso PC TO são do tipo múltipla escolha com quatro alternativas (a, b, c, d), das quais apenas uma é a correta.

Compostas de 40 questões de Conhecimentos Básicos e 40 questões de Conhecimentos Específicos, os candidatos tiveram 4 horas para responder às questões.

Para ser aprovado, os candidatos tiveram que ter nota mínima de 50 pontos no total, sendo 20 pontos para a Prova de Conhecimentos Básicos e 30 pontos para a prova de Conhecimentos Específicos. As questões cobraram dos candidatos conhecimentos em:

Escrivão de Polícia PC TO

  • Língua Portuguesa
  • Informática
  • Conhecimentos Regional, História e Geografia do Estado do Tocantins
  • Noções de Direitos Humanos
  • Estatuto dos Policiais Civis do Estado do Tocantins
  • Noções de Direito Administrativo
  • Noções de Direito Constitucional
  • Noções de Direito Penal
  • Noções de Direito Processual Penal
  • Legislação Especial

Agente de Polícia da PC TO

  • Língua Portuguesa
  • Informática
  • Conhecimentos Regional, História e Geografia do Estado do Tocantins
  • Noções de Direitos Humanos
  • Estatuto dos Policiais Civis do Estado do Tocantins
  • Direito Administrativo
  • Direito Constitucional
  • Direito Penal
  • Direito Processual Penal
  • Legislação Especial

Papiloscopista e Agente de Necrotomia

  • Língua Portuguesa
  • Informática
  • Conhecimentos Regional, História e Geografia do Estado do Tocantins
  • Noções de Direitos Humanos
  • Estatuto dos Policiais Civis do Estado do Tocantins
  • Conhecimentos Específicos para o Cargo

Delegado de Polícia

Já os candidatos ao cargo de delegado de polícia respondem a uma prova composta de 60 questões objetivas com o mesmo perfil dos cargos de Agente, Escrivão e Papiloscopista. O tempo máximo de duração da prova foi de 4 horas.

Para ser aprovado, os candidatos tiveram que ter nota mínima de 50 pontos no total, sendo 10 pontos para a Prova de Conhecimentos Gerais, 10 para a Discursiva e 30 pontos para a prova de Conhecimentos Específicos. As questões cobraram dos candidatos conhecimentos em:

  • Língua Portuguesa
  • Conhecimentos Regionais, História e Geografia do Estado do Tocantins
  • Estatuto dos Policiais Civis do Estado do Tocantins
  • Direito Penal
  • Direito Processual Penal
  • Direito Constitucional
  • Direito Administrativo
  • Direitos Humanos
  • Legislação Especial
  • Discursiva – Elaboração de Peça Técnico-profissional

Perito e Médico Legista

Quem se inscreveu para o concurso dos cargos de Perito e Médico Legista responderam a uma prova de 80 questões objetivas e pontuação máxima de 100 pontos. Os candidatos tiveram que obter pontuação mínima de 50 pontos para ser aprovado, sendo 20 na prova de conhecimentos básicos e 30 em conhecimentos específicos.

As provas cobraram conhecimentos nas disciplinas de:

  • Língua Portuguesa
  • Informática
  • Conhecimentos Regionais, História e Geografia do Tocantins
  • Direito Administrativo
  • Direito Constitucional
  • Direito Penal
  • Direito Processual Penal
  • Estatuto dos Policiais Civis do Estado do Tocantins
  • De acordo com o programa do conhecimento específico para o cargo/especialidade

Como é o TAF do concurso Polícia Civil Tocantins?

De caráter eliminatório, o Teste de Aptidão Física visa avaliar a capacidade do candidato para suportar, física e organicamente, as exigências da prática de atividades físicas a que os candidatos serão submetidos no Curso de Formação Profissional e para desempenhar as tarefas típicas da categoria funcional.

O teste de aptidão física consistirá em submeter o candidato aos seguintes testes:

  • Flexão de Braço
  • Flexão Abdominal
  • Corrida de 12 minutos

No teste de aptidão física o candidato realizará os testes de flexão de braços, abdominal e de corrida especificado a seguir:

concurso polícia civil tocantins taf

Nos testes de Flexão de Braços e Abdominal, será permitida uma segunda tentativa ao candidato que não conseguir executar o teste na primeira tentativa. No teste de Corrida, será permitida apenas uma tentativa.

Detalhes concurso Polícia Civil Tocantins

A Zero Um Concursos possui cursos direcionados para sua aprovação, com professores altamente qualificados. Clique no botão abaixo e inicie agora mesmo sua preparação para ingresso na área policial. Aqui você tem a certeza do melhor negócio e garantia da aprovação para essa grande oportunidade.

DETALHES SOBRE O CONCURSO

Instituição: Polícia Civil de Tocantins
Banca organizadora: Fundação Aroeira
Cargos: Agente, Escrivão, Papiloscopista
Perito, Médico Legista, Delegado,
Agente de Necronomia
Escolaridade: Nível Superior
Nº de vagas: 522 vagas
Remuneração: até R$ 10 mil
Situação: VIGENTE
Previsão edital: 2023
CURSOS PC TO

Editais anteriores
Edital PC TO Agente, Escrivão, Papiloscopista
Edital PC TO Delegado
Edital PC TO Perito e Médico

Receba notícias!