Licitação do concurso PCPA com 1.495 vagas é retomada!


Após ser suspenso por quase dois meses, o concurso da Polícia Civil do Pará foi enfim retomado! Em decisão liminar proferida no dia 6 de abril, a Desembargadora Ezilda Pastana Mutran determinou a continuidade do processo licitatório com a presença do Cebraspe/Cespe. A banca havia entrado com o pedido na justiça após ser desclassificada do processo. A notícia foi divulgada pelo Diretor-geral da PCPA, delegado Alberto Teixeira, em sua conta oficial do Instagram.

O certame contará com 1.495 oportunidades distribuídas pelos cargos de delegado (265), escrivão (252), investigador (818) e papiloscopista (160). Todas as carreiras que serão oferecidas no concurso exigem o nível superior como requisito. As remunerações atualizadas não foram divulgadas, mas, de acordo com o último concurso, os ganhos eram de R$ 5.204,05 para as funções de investigador, escrivão e papiloscopista e R$ 12.250 para o cargo de delegado.

Sobre o concurso PCPA 

Um ponto já definido e divulgado nas redes sociais da corporação, é que o Termo de Referência já foi definido. O termo serve de orientação para as empresas especializadas em concursos definirem o orçamento e como planejarão o conteúdo programático e formato das etapas. 

O concurso PCPA foi autorizado pelo governador do Estado, Helder Barbalho, conforme portaria publicada no Diário Oficial. Com a distribuição de cargos fechada, é possível que o projeto básico do edital esteja concluído. O documento é usado durante o processo para definir a empresa organizadora.

A informação foi dada pelo governador do Estado do Pará durante a cerimônia de um evento que celebrou os 143 anos da Polícia Civil, que comemorou mais um aniversário. A solenidade aconteceu no Coliseu das Artes, no espaço São José Liberto, em Belém. “A efetividade dos nossos resultados se dá a partir dessa integração. É ela quem cria um ambiente adequado para entregar à sociedade paraense o que é um direito seu, isto é, uma vida de paz, e, ao mesmo tempo, também representa o cumprimento dos nossos deveres como servidores públicos”, disse Helder Barbalho.

Déficit é de 2,5 mil servidores

O delegado-geral da PC-PA,  Alberto Teixeira, aponta o déficit de pessoal como um dos principais desafios da instituição. Segundo ele, a carência já chega a 2,5 mil servidores, que será reduzida com a realização do próximo concurso público.

Detalhes concurso Polícia Civil PA:

  • Concurso: Polícia Civil do Pará (Concurso PCPA)
  • Banca organizadora: a definir
  • Cargos: Delegado, Escrivão, Investigador, Papiloscopista
  • Escolaridade: nível superior
  • Número de vagas: 1.495 
  • Remuneração: até R$ 12 mil
  • Situação: AUTORIZADO
  • Previsão p/ publicação do edital: 2020
  • Link do último edital